Papa Francisco canoniza Jacinta e Francisco Marto em Portugal rezando pelas crianças

A Igreja católica ganhou hoje, 13, dois novos santos, Jacinta e Francisco Marto são agora os mais jovens santos não-mártires na história da Igreja Católica.

Nesse dia 13 de maio de 2017, celebrando o dia de Nossa Senhora de Fátima que completa 100 anos das primeiras aparições, o Papa Francisco canonizou os irmãos que junto com Lúcia foram os primeiros videntes de Nossa Senhora em Fátima.

Nessa celebração em que duas crianças são elevadas aos altares, após a homilia do Santo Padre, os fiéis reunidos em Fátima rezaram pelos direitos das crianças.

“Por todas as crianças e suas famílias, para que a exemplo dos santos Francisco e Jacinta os inspire a descobrir o sentido da vida e o valor da oração e da penitência, e para que vejam os seus direitos respeitados sempre”, essa foi a oração proferida.

Os dois irmãos canonizados e a prima Lúcia há 100 anos tiveram a primeira visão de Nossa Senhora e nos relatos contaram que a virgem era cheia de Luz. O Papa Francisco relembrou os relatos dos Pastorinhos em sua homilia e reforçou aos peregrinos que Nossa Senhora é nossa mãe.

“Fátima é sobretudo este manto de Luz que nos cobre, aqui como em qualquer outro lugar da Terra quando nos refugiamos sob a proteção da Virgem Mãe para Lhe pedir, como ensina a Salve Rainha, «mostrai-nos Jesus». Queridos peregrinos, temos Mãe”.

A missa de canonização contou com a presença do menino brasileiro Lucas batista, curado por intercessão dos Pastorinhos, na ocasião o menino subiu ao altar acompanhado da mãe recebeu um abraço do Papa Francisco.

Na praça do Santuário de Fátima mais de 300 mil peregrinos aplaudiram o momento do abraço e acompanharam toda a celebração.

 

Com informações do Portal A12